Com um Decreto publicado no sábado, 3 de março de 2018, pela Congregação do Culto Divino e da Disciplina dos Sacramentos, o Papa Francisco determinou a inscrição da Memória (1) da “Bem-aventurada Virgem, Mãe da Igreja” no Calendário Romano Geral. Esta memória será celebrada, todos os anos, na Segunda-feira depois de Pentecostes.

Tal decisão de Roma é muito importante. É a primeira vez que a Igreja instaura, oficialmente, uma festa da Virgem Maria como Mãe da Igreja, desde que o Papa Paulo VI, no Concílio Vaticano II, acrescentara à constituição dogmática Lumen gentium, um parágrafo declarando a “Bem-aventurada Virgem Maria, Mãe da Igreja”. Desde então, para celebrar Maria, Mãe da Igreja, havia, apenas a possibilidade de missas votivas, ou seja, “dedicadas a intenções particulares”.

Ao assinar este decreto, o Papa Francisco deu um forte destaque à maternidade de Maria para toda a Igreja, quer seja a Igreja ministerial (consagrados religiosos e ordenados), ou o conjunto dos leigos do povo de Deus.

Sabemos até que ponto o Santo Padre deseja atribuir toda a importância ao papel materno de Maria na Igreja, mas também ao papel materno da própria Igreja, diante do mundo, tendo a Virgem Maria como exemplo. A instauração desta bela festa de Maria, Mãe da Igreja, é, pois, um novo avanço no que se refere à compreensão da natureza da Igreja, e também, na compreensão do papel da mulher na Igreja. Nossa devoção mariana torna-se mais reforçada, permitindo que cheguemos a Jesus, por Maria, como disse São Luís Maria Grignon de Montfort.

_______________________________

(1) Trata-se, aqui de uma « Memória obrigatória». Chama-se « Memória » o grau de celebração litúrgica que vem depois da Solenidade e da Festa. Não se trata, apenas, da Missa, mas o ofício deve ser celebrado em honra do santo. Fala-se, então, de “Memória obrigatória”, em oposição a “Memória facultativa”, indicando a celebração de um santo, de quem se pode fazer memória, no oficio, e em honra de quem podemos celebrar a Missa.

 


fonte : Zenit - L’équipe de Marie de Nazareth

 

0
0
0
s2sdefault